Enem 2020: MEC liberou a cartilha da Redação do Exame

Os mais de cinco milhões de participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 já podem conferir o documento “A redação do Enem 2020 – Cartilha do Participante”.

Cartilha do Participante Enem 2020

O documento oferece dicas sobre como o estudante deve estruturar a sua redação, além de explicar os critérios de correção do texto. Foram produzidas ainda cartilhas específicas para a avaliação das redações dos participantes surdos ou com deficiência auditiva, e dos participantes com dislexia.

Redação Enem 2020

Os participantes devem ficar atentos quanto aos critérios exigidos na redação, pois o texto deve ser escrito em formato de prosa, do tipo dissertativo-argumentativo e sobre um tema de ordem social, científica, cultural ou política.

Na redação do Enem o participante deverá defender uma tese – uma opinião a respeito do tema proposto –, apoiada em argumentos consistentes, estruturados com coerência e coesão, formando uma unidade textual, de acordo com a modalidade escrita formal da língua portuguesa. Vale lembrar que os participantes que optaram por realizar a versão digital do exame, o Enem Digital, farão a redação no mesmo formato da versão impressa.

Correção

A cartilha mostra que as redações do Enem são avaliadas de acordo com cinco competências e detalha o que é esperado do candidato em cada uma delas. A nota pode chegar a mil pontos, mas o estudante também pode ter nota zero.

Motivos para zerar a redação

Na cartilha estão as razões que podem zerar a nota, tais como fuga ao tema, extensão total de até sete linhas, trecho deliberadamente desconectado do tema proposto, não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa e desrespeito à seriedade do exame. Veja outros motivos para tirar nota zero:

  • Extensão de até sete linhas;
  • Cópia integral de texto(s) motivador(es) da proposta de redação e/ou de textos motivadores apresentados no caderno de questões;
  • Impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação;
  • Parte deliberadamente desconectada do tema proposto;
  • Assinatura, nome, apelido ou rubrica fora do local devidamente designado para a assinatura do participante;
  • Texto integralmente em língua estrangeira;
  • Folha de redação em branco, mesmo que haja texto escrito na folha de rascunho.

Enem 2020

As provas serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 (versão impressa) e 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021 (versão digital).

Além da redação, a prova terá 45 questões em cada prova das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

Para que servem as notas do Enem?

O Exame é considerado o maior vestibular o Brasil, sendo possível utilizar suas notas para ingressar em universidades públicas e privadas. Veja abaixo como utilizar as notas do Enem 2020:

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.