Quais as formas de ingresso na UFG?

Quais as formas de ingresso na UFG?
5 (100%) 1 vote[s]

A UFG, Universidade Federal de Goiás oferece em média 156 cursos anualmente; sendo o ingresso de 137 deles por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), organizado pelo Ministério da Educação (MEC), que utiliza o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como instrumento de seleção.

Quais as formas de entrar na UFG?

Na UFG é possível ingressar em seus diversos cursos de graduação por meio dos seguintes processos seletivos:

  • Sistema de Seleção Unificada (SiSU) – gerenciado pelo MEC (Ministério da Educação), que oferece vagas em instituições públicas de ensino superior aos(as) estudantes participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e que obtiveram nota superior a zero na redação. O(A) candidato(a) deve definir se deseja concorrer a vagas de Ampla Concorrência ou a vagas da Lei de Reserva de Vaga.
  • Programa UFGInclui – Programa de inclusão específico da UFG que cria, em cada curso de graduação da universidade, uma vaga extra para indígenas e uma vaga extra para negros (pretos e pardos) quilombolas, que tenham cursado o Ensino Médio integralmente em escola pública.
  • Processo Seletivo de Cursos que exigem Verificação de Habilidades e Conhecimentos Específicos (VHCE) – inclui os cursos de Música da Regional Goiânia, não contemplados no SiSU. A seleção também é realizada a partir da nota do Enem; possibilitando ao(à) candidato(a) optar por concorrer a vagas de Ampla Concorrência ou a vagas reservadas pela Lei n.12.711/12 (Lei de Reserva de Vagas).

Reserva de vagas

De acordo com a Lei de Reserva de Vagas há 50% das matrículas dos cursos nas universidades federais e institutos federais de educação, ciência e tecnologia para os estudantes que cursaram integralmente o Ensino Médio público (1º, 2º e 3º anos e nos Institutos Federais, 4º ano); em cursos regulares; ou da educação de jovens e adultos. As demais vagas (50%) são destinadas para Ampla concorrência.

Ensino Médio Integral em Escolas Públicas

De acordo com a UFG, a verificação dos requisitos dos(as) candidatos(as) aprovados(as) pela Lei de Reserva de Vagas na UFG é realizada pelas Comissões de Escolaridade; de Verificação da Condição de Deficiência; de Análise da Realidade Socioeconômica e de Hetero-identificação.

A verificação do Ensino Médio integral em escola pública é analisada pela Comissão de Escolaridade; por meio de documento apresentado pelo(a) candidato(a) em que esteja especificado de forma clara; em qual escola foi realizada cada série do Ensino Médio; seja Histórico ou declaração da escola que conste tais informações.

A Comissão de Escolaridade, considerando a definição de escola pública constante da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei nº 9.394, de 20/12/1996) e a Portaria Normativa MEC nº 18/2012; alterada pelas Portarias Normativas MEC nº 9/2017 e nº 1.117/18; informa que NÃO poderão concorrer às vagas da Reserva de Vagas, candidatos(as) que tenham estudado, em algum momento:

  •  Em escolas particulares parte do Ensino Médio, ainda que com bolsa de estudos;
  • Em escolas comunitárias, filantrópicas ou confessionais, pois são consideradas instituições privadas de ensino; ainda que a escola cursada pelo(a) candidato(a) seja mantida por convênio com o Poder Público;
  • Em escolas estrangeiras, tendo em vista que a lei de reserva de vagas está relacionada com as escolas públicas brasileiras.

Fonte UFG

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.