Questão comentada sobre protestos antirracistas, da Famerp

(Famerp/2021) Os protestos antirracismo iniciados nos Estados Unidos após a morte de George Floyd por um policial colocaram o mundo em polvorosa no final de maio. Além dos protestos em solo americano, cidadãos de diversas nações intensificaram a discussão acerca do racismo e resolveram pôr as mãos na
massa — literalmente.
[…].

(Sabrina Brito. “Derrubada de estátuas: vandalismo ou reparação histórica?”
https://veja.abril.com.br, 09.06.2020.)

As manifestações provocadas pela morte de George Floyd nos Estados Unidos evidenciam a reação de amplos setores da sociedade à persistência de práticas racistas no país,
A) gerada, sobretudo, pela eliminação em 2017, no primeiro ano do governo Trump, de diversas leis de combate ao racismo.
B) apesar da proibição, presente na Constituição desde 1783, à organização e à atuação de grupos supremacistas brancos.
C) embora o avanço econômico norte-americano dos anos 1990 tenha eliminado as diferenças socioeconômicas entre brancos e negros.
D) proporcionada, em grande medida, pela vitória em 1865, ao final da Guerra de Secessão, do sul escravista sobre o norte abolicionista.
E) mesmo após as conquistas obtidas, nos anos 1960, pelos movimentos pacíficos ou violentos em defesa dos direitos civis.

RESOLUÇÃO:
Ainda que as leis de segregação racial tenham sido derrubadas persiste, nos Estados Unidos, a ocorrência de práticas que evidenciam um racismo estrutural, sobretudo quando se consideram as ações policiais.
Resp.: E

VEJA TAMBÉM:
Questão resolvida sobre ativismo, da UEL 2017

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.