Saque de R$ 1045 do FGTS começa na segunda, dia 15

Na próxima segunda-feira, dia 15 de junho, o novo saque do FGTS vai começar. Isso significa dizer que os trabalhadores terão o direito de sacar um valor de até R$ 1045 reais nas suas contas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Apesar disso, a Caixa Econômica Federal (CEF), banco público responsável por realizar todos os pagamentos, ainda não divulgou nenhum calendário de pagamentos específico para o FGTS. Há quem garanta que o calendário vai ser divulgado pelo Governo Federal antes mesmo do fim de semana, mas a falta de informações oficiais sobre o cronograma de pagamentos do FGTS gera dúvidas sobre esse assunto.

O calendário de pagamento do novo saque do FGTS, de acordo com informações que já foram divulgadas pela Caixa, vai obedecer ao mesmo modelo que foi adotado para o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 reais. Ou seja, um cronograma que, em primeiro lugar, realiza depósitos nas chamadas poupanças sociais digitais da Caixa e que, um tempo depois, libera para que esses valores sejam sacados em dinheiro ou transferidos para outras contas.

Embora essa tenha sido uma informação importante para saber como vai acontecer o pagamento do novo saque de R$ 1045 reais do FGTS, ela ainda deixa muitos trabalhadores com dúvidas sobre quando, de fato, poderão sacar o benefício. Isso porque, no caso do pagamento do auxílio emergencial, o calendário de pagamentos obedeceu ao critério do mês de nascimento do trabalhador. No FGTS, pode ser que o mesmo critério seja utilizado, mas tal informação ainda não foi divulgada.

Com isso, os trabalhadores que tem direito a sacar o FGTS continuam esperando por informações mais detalhadas sobre o benefício que deve começar a ser pago na próxima segunda, 15. Para sacar os valores, é preciso que o trabalhador tenha saldo em contas FGTS, sejam contas ativas ou contas inativas.

Questionados pela imprensa, a Caixa Econômica Federal e o Ministério da Economia apenas declararam que todos os procedimentos relacionados ao pagamento do saque emergencial do FGTS serão divulgados em breve. Ou seja, não há uma data específica determinada para que os valores de pagamento do novo saque do FGTS sejam feitos para os trabalhadores que tem direito a ele.

Novo Saque do FGTS pode ajudar na recuperação da economia brasileira no pós-pandemia

Segundo informações que foram fornecidas por Júlio César Costa Pinto, o atual presidente do Conselho Curador do FGTS, as pessoas vão poder receber os seus respectivos saldos de FGTS em suas próprias contas bancárias, independente de serem contas do banco da Caixa ou contas de outras instituições financeiras.

Nas palavras de Júlio César: “Em breve, vamos ter a definição de como as pessoas que não possuem conta em banco vão poder acessar o saque imediato do FGTS”. A partir da fala do presidente do Conselho, é possível concluir que nem todos os saldos de FGTS devem ser depositados primeiramente na poupança social digital da Caixa. Resta aos trabalhadores esperarem pelo próximo dia 15 de junho para enfim descobrirem qual será a conta destino primária do benefício.

A medida provisória que determinou e aprovou o pagamento do novo saque do FGTS foi a medida provisória de número 946/2020. De acordo com o conteúdo da medida, o dinheiro do FGTS vai estar disponível para ser sacado dentre os dias 15 de junho e 31 de dezembro deste ano. Ou seja, serão aproximadamente sete meses de pagamentos do FGTS sendo feitos aos trabalhadores que tem direito a ele.

A partir dessas datas, se percebe que o pagamento do FGTS vai acontecer ao mesmo tempo em que o pagamento do Auxílio Emergencial da Caixa. De fato, as datas coincidem, mas o público-alvo de trabalhadores é diferente, uma vez que o auxílio emergencial, em tese, não foi criado para contemplar a parte da população que trabalha de carteira assinada, mas sim os trabalhadores informais e desempregados, assim como as mães solteiras, que tem direito a receber um valor ainda maior do auxílio, que é correspondente a R$ 1200 reais.

Em todo o Brasil, a liberação dos pagamentos do FGTS deve injetar um total de R$ 36 bilhões de reais na economia do país. Ao menos, é isso o que revela os cálculos que foram feitos e divulgados oficialmente pelo Governo Federal. O total de brasileiros que devem ser beneficiados com o novo saque do FGTS é de aproximadamente 60 milhões de pessoas.

Cartão de Crédito Sem Anuidade

Muitos trabalhadores estão procurando cortar gastos. E uma das formas de economizar é utilizar um cartão de crédito fornecido por algum banco que não cobre taxa mensal para uso. Veja uma sugestão abaixo:

Santander Free

Acumulando R$100 em compras com o Cartão Free Santander na função crédito em cada fatura, você fica livre da anuidade. Saiba quais são os benefícios desse cartão:

  • Cartão Internacional: O cartão Santander, graças à sua bandeira Mastercard® é aceito na maioria das maquininhas pelo mundo e em compras online.
  • Programa Esfera: Ganhe 1 ponto Esfera a cada R$ 5,00 gastos no cartão. Troque seus pontos por descontos especiais em shopping, restaurantes, viagens e muito mais.
  • Cartões Adicionais Grátis: Você pode solicitar até 5 cartões extras, com limite do cartão titular compartilhado com os demais.
  • Cartão sem conta no Banco: Para você que não é correntista do Santander, saiba que é possível solicitar um cartão. Ah, e se ficou interessado, basta clicar aqui para pedir o seu.

Ficou interessado? Leia mais sobre o Cartão Santander Free.

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.