Questão comentada sobre exploração predatória do mogno, do Enem

Questão comentada sobre exploração predatória do mogno, do Enem
5 (100%) 1 vote

Confira questão sobre exploração predatória

(Enem/2007) Se a exploração descontrolada e predatória verificada atualmente continuar por mais alguns anos, pode-se antecipar a extinção do mogno. Essa madeira já desapareceu de extensas áreas do Pará, de Mato Grosso, de Rondônia, e há indícios de que a diversidade e o número de indivíduos existentes podem não ser suficientes para garantir a sobrevivência da espécie a longo prazo.
A diversidade é um elemento fundamental na sobrevivência de qualquer ser vivo. Sem ela, perde-se a capacidade de adaptação ao ambiente, que muda tanto por interferência humana como por causas naturais.
Internet: <www.greenpeace.org.br> (com adaptações).
Com relação ao problema descrito no texto, é correto afirmar que
A) a baixa adaptação do mogno ao ambiente amazônico é causa da extinção dessa madeira.
B) a extração predatória do mogno pode reduzir o número de indivíduos dessa espécie e prejudicar sua diversidade genética.
C) as causas naturais decorrentes das mudanças climáticas globais contribuem mais para a extinção do mogno que a interferência humana.
D) a redução do número de árvores de mogno ocorre na mesma medida em que aumenta a diversidade biológica dessa madeira na região amazônica.
E) o desinteresse do mercado madeireiro internacional pelo mogno contribuiu para a redução da exploração predatória dessa espécie.

Resolução:
A caça e a extração predatória, associada à destruição de habitats, são as principais causas de extinção de espécies atualmente.
Com a exploração predatória dessa madeira, o número de indivíduos vai ficando muito reduzido; consequentemente, a diversidade genética da espécie também se reduz, o que aumentam as chances de extinção.
Resp.: B

Veja também:
Questão comentada sobre espécies exóticas, da Unicamp.

0 Comentários… add one

Deixe um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.