Questão resolvida sobre identidade de gênero, do Enem

(Enem/2020 – Digital) A masculinidade, assim como a feminilidade, é uma construção histórica e cultural. Em nossa cultura, a dança caracteriza-se, no sentido geral, como um universo predominantemente feminino. Homens que dançam são geralmente considerados homossexuais, por não se enquadrarem dentro das normas culturais hegemônicas de gênero e sexualidade. Por outro lado, demonstram a não existência de um único tipo de masculinidade, enfatizando que as identidades humanas são múltiplas e plurais. No contexto da dança, as representações hegemônicas de gênero e as regulações sociais que essas impõem não se manifestam deforma igual em todas as modalidades de dança. Persiste essa forte representação cultural ocidental que associa o balé à feminilidade e à homossexualidade. Em outras danças, ela não se revela tão forte, e os homens não aparecem em menor número, como nas tradicionais danças folclóricas ou no moderno hip hop.
ANDREOLI, G. S. Representações de masculinidade na dança contemporânea.
Movimento, n. 1, 2011 (adaptado).

No que tange à identidade de gênero masculina, a dança e suas modalidades expressam o(a)
A) padronização da inserção dos homens nessas manifestações corporais.
B) identificação de como essas práticas regulam uma única masculinidade.
C) reconhecimento das diferentes masculinidades.
D) contestação das normas sociais pelo balé.
E) reforço de uma feminilidade hegemônica.

RESOLUÇÃO:
De acordo com o texto, a dança pertence mais ao universo feminino que ao masculino, principalmente o balé. Contudo, certas danças como o hip hop e as danças folclóricas, o homem não é associado à homossexualidade.
Resp.: C

VEJA TAMBÉM:
Questão resolvida sobre hip hop, do Enem 2015

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.