Auxílio Emergencial em Análise para 11 milhões de brasileiros

Até a última terça-feira, 2 de junho, cerca de 11 milhões de trabalhadores que se inscreveram para receber o auxílio emergencial de R$ 600,00 concedido pela Caixa Econômica Federal como uma das medidas de combate à pandemia ainda estão com os seus cadastros em análise. Essa informação foi fornecida pelo próprio presidente da Caixa, Pedro Duarte Guimarães.

Nesse grupo de 11 milhões de solicitações, 5,7 milhões de pessoas estão passando pela primeira análise, enquanto 5,3 milhões de possíveis beneficiários já estão passando pela segunda análise das suas solicitações. Nesse último caso, são pessoas que tiveram os seus pedidos negados em um primeiro momento, mas que solicitaram uma reanálise por parte do Dataprev, órgão público que é responsável por analisar todos os pedidos que chegam pelo site ou pelo aplicativo.

De acordo com Pedro Guimarães, a Caixa realizará os pagamentos para os novos trabalhadores aprovados para receber o benefício a partir de 48 horas após a aprovação. O lote mais recente de beneficiários aprovados para receber o auxílio emergencial foi entregue pelo Dataprev no último dia 15 de maio. Nesse lote, foram aprovados cerca de 8,3 milhões de cadastros.

Auxílio Emergencial Caixa – Confira os números

De acordo com o balanço oficial da Caixa, 101,2 milhões de cadastros já foram processados ao todo. Confira logo em seguida como está a situação de cada grupo de trabalhadores inscritos.

• Bolsa Família: 19,9 milhões de trabalhadores inscritos no Bolsa Família fizeram o pedido de auxílio emergencial para a Caixa. Destes 19,9 milhões, 19,2 milhões foram aprovados, enquanto 700 mil trabalhadores tiveram o seu pedido do benefício negado.

• Cadastro Único: 32,1 milhões de trabalhadores que são inscritos no programa Cadastro Único – também conhecido como CadÚnico – realizaram as suas solicitações de auxílio emergencial. Desses, 10,5 milhões foram aprovados, ao passo que 21,6 milhões foram negados pelo Dataprev.

• Pedidos feitos pelo site ou pelo aplicativo da Caixa: 54,9 milhões de pedidos foram feitos. 29,3 milhões deles já foram aprovados. 19,9 milhões foram negados. 5,7 milhões ainda se encontram em análise.

Logo a seguir, veja qual é a situação dos pedidos de auxílio emergencial, de acordo com dados coletados até a última terça-feira, 2 de junho.

• Total de pedidos – 106,3 milhões
• Pedidos já processados pelo Dataprev – 101,2 milhões
• Aprovados – 59 milhões
• Negados – 42,2 milhões
• Em Análise pela primeira vez – 5,7 milhões
• Em Análise pela segunda vez – 5,3 milhões

Em seguida, confira os dados relativos a pagamentos do auxílio emergencial, somando os valores das 1ª e 2ª parcelas.

• Bolsa Família: 19,2 milhões de trabalhadores receberam o auxílio emergencial. O valor pago total para este grupo é de R$ 30,2 bilhões de reais.

• Cadastro Único (CadÚnico): 10,5 milhões de trabalhadores receberam o auxílio emergencial. O valor pago total para este grupo é de R$ 14 bilhões de reais.

• Site ou Aplicativo: 28,9 milhões de trabalhadores que fizeram seus pedidos por estes canais já receberam o auxílio emergencial. O valor pago total para este grupo foi de R$ 32,3 bilhões de reais.

Auxílio Emergencial Caixa nos próximos dias

Para consultar como está a situação dos seus pedidos de auxílio emergencial, os possíveis beneficiários devem acessar o site oficial do benefício ou baixar o aplicativo oficial. Além disso, os trabalhadores podem acompanhar como estão as suas respectivas solicitações no site oficial do Ministério da Cidadania, e também no site do Dataprev, órgão que está processando todos os cadastros.

Embora muitos pedidos de auxílio emergencial continuem em análise, muitos trabalhadores estão recebendo o valor de R$ 600,00 sem dificuldades. Por exemplo, nesta quarta-feira, dia 3 de junho, foi a vez dos beneficiários que nasceram no mês de abril serem liberados para fazer saques em dinheiro e transferências entre contas do valor do benefício.

Na próxima quinta-feira, 4 de junho, será dada a mesma oportunidade para as pessoas que nasceram no mês de maio. Na sexta-feira, dia 5, será a vez dos trabalhadores que nasceram no mês de junho, e assim por diante. Esse calendário de liberação de saques em espécie e transferências da segunda parcela do auxílio emergencial será encerrado no dia 13 de junho, em um sábado. Neste dia, serão liberados os saques e as transferências para aqueles trabalhadores cujo mês de nascimento é dezembro.

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.