Enem 2020: Registro de mais de 50% de abstenção

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou em 17 de janeiro, os números de faltosos do 1º dia de Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, por meio de entrevista coletiva.

De acordo com o MEC, a abstenção das provas do 1º dia foi de mais da metade dos inscritos no Enem 2020.  Ainda segundo Ribeiro, os responsáveis pelo alto índice se deve a pandemia do coronavírus (Covid-19) e o trabalho da mídia contrária ao Enem.

Dos 5.523.023 inscritos para as provas impressas do Enem, 2.842.332 não compareceram ao Exame deste domingo. O número equivale a uma abstenção de 51,5%. Na edição do ano passado, a abstenção foi de 23,1% no primeiro dia.

Vale destacar que não não houve aplicação de provas nos 56 municípios no Amazonas, o que soma 160.548 inscritos, e em dois municípios de Rondônia, sendo eles Espigão D’Oeste e Rolim de Moura, totalizando 3.832 estudantes.

Reaplicação Enem 2020

O presidente do Inep, Alexandre Lopes, informou que mais de 8 mil candidatos inscritos no Enem 2020 tiveram seus pedidos aceitos para fazer as provas do Exame em fevereiro por conta de terem sintomas de doenças infectocontagiosas.

No Enem 2020, 10.171 pessoas pediram para participar da reaplicação por conta de terem sintomas de doenças infectocontagiosas. É a primeira vez que o Inep autoriza que os candidatos peçam a reaplicação por tais motivos. Isso se deve à pandemia de Covid-19. No total, foram aceitas 8.180 solicitações enquanto 1.991 foram negadas.

Impedidos de participar

Alguns estudantes alegaram que foram impedidos de ingressar em seus locais de prova, devido a lotação máxima estipulada pelo Inep. Por conta disso, eles acabaram perdendo o primeiro dia de provas.

O órgão informou que o problema aconteceu em 11 locais de prova e alegou também que estes casos serão analisados. Caso os participantes se sintam prejudicados poderão solicitar a reaplicação do Enem a partir de 25 de janeiro.

Provas

Os inscritos no Enem 2020 responderam no domingo, dia 17 de janeiro,  90 questões objetivas, sendo 45 de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e 45 de Ciências Humanas e suas tecnologia (História, Geografia, Sociologia e Filosofia).

Os candidatos tiveram que elaborar uma redação dissertativo-argumentativa, que teve como tema O estigma associado às doenças mentais na sociedade brasileira. Os estudantes tiveram que desenvolver uma proposta de intervenção.

Enem Digital

Em 2020, o exame terá também uma versão online, que será aplicada nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Veja o local de provas do Enem Digital 2020.

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.