Questão comentada sobre cromatografia em papel, do Enem 2017

(Enem/2017) A cromatografia em papel é um método de separação que se baseia na migração diferencial dos componentes de uma mistura entre duas fases imiscíveis. Os componentes da amostra são separados entre a fase estacionária e a fase móvel em movimento no papel. A fase estacionária consiste de celulose praticamente pura, que pode absorver  até 22% de água. É a água absorvida que funciona como fase estacionária líquida e que interage com a fase móvel, também líquida (partição líquido-líquido). Os componentes capazes de formar interações intermoleculares mais fortes  com a fase estacionária migram mais lentamente.
Uma mistura de hexano com 5% (v/v) de acetona foi utilizada como fase móvel na separação dos componentes de um extrato vegetal obtido a partir de pimentões. Considere que esse extrato contém as substâncias representadas.

A substância presente na mistura que migra mais lentamente é o (a)
A) licopeno
B) α-caroteno
C) γ- caroteno
D) capsorubina
E) α-criptoxantina.

RESOLUÇÃO:
A água absorvida pelas fibras de celulose do papel é que atuam como fase estacionária e, quanto  mais interações a substância fizer com essa fase estacionária, menos ela migrará no papel (informações fornecidas no enunciado). Quem fará mais interações com a água, será a molécula que possuir maior quantidade de grupos OH na composição, que formarão ligações de hidrogênio com a água. Dessa forma a capsorubina, será  o composto que menos migrará na folha de papel.
Resp.: D

VEJA TAMBÉM:
Questão comentada sobre interações intramoleculares, da Anhembi Morumbi 2014.
Questão comentada sobre forças intermoleculares, da Uncisal 2014
Questão comentada sobre detergentes, da Facisb 2015

0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.