Questão discursiva sobre as duas grandes guerras do século XX, da Unesp

(Unep/2017) Não apenas a ameaça de confronto nuclear, mas a realidade do conflito militar, formam uma parte básica do “lado sombrio” da modernidade no século atual. O século XX é o século da guerra, com um número de conflitos militares sérios envolvendo perdas substanciais de vidas consideravelmente mais alto do que em qualquer um dos dois séculos precedentes. No presente século, até agora, mais de 100 milhões de pessoas foram mortas em guerras, uma proporção mais alta da população do mundo do que no século XIX, mesmo
considerando-se o crescimento geral da população.
(Anthony Giddens. As consequências da modernidade, 1991.)
As duas Grandes Guerras do século XX tiveram, em alguns aspectos, causas semelhantes.
Cite dois fatores comuns que desencadearam tais guerras e cite duas razões de suas naturezas destruidoras.

RESOLUÇÃO:
Como fatores comuns que desencadearam as duas grandes guerras do século XX podem ser apontadas: competição econômica por mercados e disputas territoriais na Europa.
Razões da natureza destruidora dos dois conflitos: avanços tecnológicos na construção bélica (ex.: bomba atômica na 2ª Guerra Mundial) e grande extensão da área de conflitos.

VEJA TAMBÉM:
Questão comentada sobre Guerra Civil Espanhola, do Enem 2013
Questão comentada sobre Guerra do Paraguai, da São Camilo 2015-2

Veja como entrar na Faculdade Estácio através do Jovem aprendiz e conheça os cursos disponíveis

Quando o estudante está prestes a concluir o ensino médio está na hora de selecionar a carreira que deseja seguir em seu futuro profissional, e nada melhor do que se inscrever num programa de Jovem Aprendiz para vivenciar como é realizado o trabalho em determinadas áreas, a fim de ter certeza de que deseja exercer e adquirir um pouco de experiência no segmento.

Veja como entrar na Faculdade Estácio através do jovem aprendiz e conheça os cursos disponíveis que podem ajudar a melhor o seu currículo e trazer mais experiência:

Programa Jovem Aprendiz Estácio

O programa jovem aprendiz é um projeto do Governo Federal para ajudar na qualificação de jovens, estimulando as empresas a capacitarem os mesmos, os quais podem ser seus futuros funcionários.

Ao participar do programa, o jovem tem direito a aulas para capacitação, a fim de acompanhar os conhecimentos das profissões em determinadas áreas.

A carga horária de trabalho é de 4 a 6 horas por dia remunerado, registro em CLT (Carteira de Trabalho) e direito aos benefícios oferecidos (vale transporte e vale alimentação, por exemplo), e com a vaga em um curso em instituições de ensino como a faculdade Estácio.

O período de duração do curso depende da área e nível de qualificação da grade oferecida pela instituição.

As empresas que são responsáveis pelo custeamento dos cursos, as quais são MEs (microempresa) ou EPPs (Empresas pequeno porte) e possuem cadastro no Simples Nacional, como exemplo, as ESFLs (Empresa sem fim lucrativo).

Quem pode participar do programa Jovem Aprendiz Estácio?

De acordo com a legislação, para participar do programa é preciso possuir idade entre 14 e 24 anos, estar cursando ou ter concluído o ensino médio. Para pessoas com deficiência, não há limite de idade.

Para participar do programa, basta se candidatar através do envio de seu curriculo jovem aprendiz para as empresas que oferecem as vagas e passar pelos processos seletivos que pode variar de acordo com a empresa.

As instituições financeiras e a empresa Correios são as que mais abrem vagas para Jovem Aprendiz, mas você pode pesquisar em sites como o Vagas, Indeed, BNE, LinkedIn e JovemAprendiz.net.

Quais os cursos oferecidos no programa Jovem Aprendiz Estácio?

Os cursos oferecidos pelo Jovem Aprendiz Estácio são voltados a qualificação profissional e possuem curta duração (no máximo 2 anos), algumas das opções disponíveis são:

  • Assistente administrativo;
  • Logística;
  • Help Desk para apoio de usuário de informática;
  • Desenvolvedor de aplicativo e mídia social;
  • Eletricista em manutenção eletrônica;
  • Montador de equipamento eletrônico;
  • Mecânico de veículos ou mecânico de máquinas industriais;
  • Operador de caixa;
  • Operador de telemarketing;
  • Recepcionista;
  • Entre outros.

Como podemos observar, há diversas opções de cursos disponíveis no programa jovem aprendiz Estácio, para participar basta acessar os sites mencionados anteriormente e realizar um cadastro com seus dados pessoais e procurar por vagas disponíveis.

Seu currículo e perfil passaram pelo processo de seleção e será marcada uma entrevista, caso seja aprovado terá direito aos benefícios oferecidos pelo programa e poderá iniciar sua experiência profissional.

Ta esperando o que para aproveitar essa oportunidade de ingressar no mercado profissional? Envie já o seu currículo e seja um jovem aprendiz.