Enem 2022: Veja os recursos de acessibilidade das provas

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 serão aplicadas em novembro, e o exame é uma das principais formas de ingresso ao ensino superior no Brasil. De acordo com o MEC, ele terá variados recursos de acessibilidade, tais como prova em braile, com letra ampliada, guia-intérprete, tempo adicional e mobiliário acessível.

O Enem 2022 será aplicado nos dias 13 e 20 de novembro de 2022 e contará com um total de 3.396.632 participantes, sendo 3.331.566 na modalidade impressa e 65.066 na digital. As duas versões serão aplicadas nos mesmos dias, além de contarem com itens iguais e o mesmo tema de redação.

Os candidatos terão acesso aos recursos de acessibilidade, desde que eles tenham feito a solicitação no momento da inscrição. Tais recursos são voltados para atender estudantes com baixa visão, cegueira, déficit de atenção, deficiência física, deficiência intelectual, deficiência auditiva, discalculia, dislexia, surdez, surdocegueira, transtorno do espectro autista e visão monocular, além de gestantes e lactantes, por exemplo.

Conforme edital, entre as opções estão prova em braile, tradutor intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras) e videoprova em Libras (vídeo com a tradução de itens em Libras).

Há ainda a prova com letra ampliada, prova com letra superampliada, uso de leitor de tela, guia-intérprete, auxílio para leitura, auxílio para transcrição, leitura labial, tempo adicional, sala de fácil acesso e com mobiliário acessível.

Para as lactantes, a participante deverá, nos dois dias de realização do exame, levar um acompanhante adulto, que ficará em sala reservada e será responsável pela guarda da criança. Sendo assim, a participante lactante não poderá ter acesso à sala de provas acompanhada do bebê, bem como o acompanhante também não poderá ter acesso à sala de provas.

Para que serve o Enem?

As notas do exame podem ser usadas para concorrer a vagas em instituições federais de ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e em instituições privadas pelo Programa Universidade para Todos (ProUni). Elas também são aceitas em diversas instituições de educação superior portuguesas.

Os participantes do Enem ainda podem pleitear financiamento estudantil por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Novidades

Nesta edição o exame apresentou novidades e pela primeira vez, o pagamento da inscrição pode ser feito por meio de Pix e cartão de crédito. Até então, era possível pagar apenas pelo boleto bancário gerado no ato da inscrição.

Documentos

Outra novidade é que os documentos digitais e-Título, Carteira Nacional de Habilitação Digital e RG Digital foram incluídos como documentos válidos para identificação do participante no dia da aplicação da prova. Mas é preciso que eles sejam apresentados nos aplicativos oficiais. Capturas de telas não serão aceitas.

Provas Enem

Veja como será a organização das provas do Exame:

  • No dia 13 de novembro, os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h e as provas terão início às 13h30, com término às 19h.
  • No segundo dia (20/11), a aplicação da prova será iniciada no mesmo horário, mas será finalizada às 18h30.
  • No primeiro dia, os candidatos vão fazer a redação e serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias e ciências humanas e suas tecnologias.
  • No segundo dia, serão aplicadas as provas de ciências da natureza e suas tecnologias, assim como de matemática e suas tecnologias. Serão 45 questões em cada área do conhecimento.
  • No Enem Digital, a redação seguirá os mesmos moldes de aplicação e correção da versão em papel, redigida em formato impresso.
0 comments… add one

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.