Questão comentada sobre células tronco, da FMABC

(FMABC/2014) Maria Vitória, 6 , nasceu com talassemia major (…) A cada
três semanas tinha que receber “sanguinho”, termo usado por seus pais para se referir às transfusões frequentes.
Há um ano e dois meses, ela ganhou a irmã que tanto pediu aos pais e que poderia ajudá-la a ser livre da doença por meio de uma doação de células-tronco.
Maria Clara, a irmã mais nova, foi gerada a partir de um embrião selecionado (…). A seleção buscou embriões sem a talassemia major e compatíveis para um transplante de células-tronco.
Folha de S.Paulo, 19/04/2013
No caso descrito, foram retiradas células-tronco da medula óssea da irmã mais nova e transplantadas para a mais velha; a medula desta passou a produzir
células saudáveis.
Em relação ao caso, foram feitas cinco afirmações. Assinale a INCORRETA.
A) A doença é hereditária e afeta a produção de hemácias normais.
B) Pessoas com a forma major da doença têm alterações significativas na produção de hemoglobina, proteína responsável pelo transporte
de oxigênio.
C) As células-tronco transplantadas possibilitaram a formação de tecido hematopoiético saudável.
D) As células-tronco retiradas da medula óssea têm possibilidade de se diferenciar em células geradoras de diversos tipos celulares encontrados no sangue.
E) A doença afeta a produção de substâncias relacionadas à coagulação do sangue, entretanto não afeta a produção de hemoglobina, proteína responsável pelo transporte de oxigênio.

Resolução:
A talessemia é uma doença genética que se caracteriza por um defeito na produção de hemoglobina, o que leva ao surgimento de uma anemia no paciente.
Resp.: E

Veja também:
Questão comentada sobre genética, da Fagoc 2017-2
Questão comentada sobre terapia gênica, da Unicamp 2019

SiSU 2019 – notas de corte para Engenharia Mecânica

Notas de corte – Engenharia Mecânica – SiSU 2019

Confira as notas de corte do SiSU 2019 para o curso de Engenharia Mecânica.
As informações foram retiradas do site do Mec, na data de 23 de janeiro de 2019 (2º dia de inscrições do SiSU, cujo período de inscrições termina em 25 de janeiro de 2019).

UFAM (Campus Manaus – Centro):     642,99
UFAM (Sede Manaus):                          714,54
IFBA (Simões Filho):                             630,60
IFBA (Jequié):                                        612,38
IFBA (Juazeiro):                                     660,34
UFOB (Bom Jesus da Lapa):               629,61
UESC (Ilhéus – Sobradinho):                 663,79
UFBA (Campus Ondina):                       752,35
IFCE (Maracanaú):                                  846,31
UFC (Fortaleza) :                                     733,46
UFC  (Russas):                                        642,04
UnB:                                                          761,89
IFES (Cachoeiro de Itapemirim):          650,62
IFES (Aracruz):                                       648,71
IFES (São Mateus):                               628,21
IFES (Vitória):                                        738,30
UFES (Vitória):                                       757,91
UFG (Goiânia):                                       744,05
CEFET MG (Belo Horizonte):               749,89
UFMG (BH – matutino):                          765,74
UFMG (BH – noturno):                             743,10
UFV (Viçosa):                                           722,86
UFOP (Ouro Preto):                                 696,34
IFMG (Betim):                                          684,22
IFMG (Arcos):                                          641,22
UFJF (Juiz de Fora):                               748,22
UNIFEI (Itajubá):                                     734,04
UNIFEI (Itabira):                                      675,27
UFSJ (SJ Del Rei – Noturno):                642,10
UFSJ (SJ Del Rei – Integral):                 653,43
UFTM (Uberaba):                                   705,80
UFU (Uberlândia):                                   764,9
UFGD (Dourados):                                  630,46
UFMT (Rondonópolis):                          604,84
UNIFESSPA (Marabá):                           778,06
UFPB (João Pessoa):                            663,14
UFCG (Campina Grande):                     691,20
UFRPE (Cabo de Sto Agostinho):       629,80
UFPI (Teresina – Sede):                        711,56
UFPI (Teresina – Central):                    688,82
UTFPR (Londrina):                                725,02
UTFPR (Pato Branco):                           670,37
UTFPR (Curitiba – Integral):                  748,31
UTFPR (Curitiba – Noturno):                 726,54
UTFPR (Ponta Grossa):                        689,28
UTFPR (Cornélio Procópio):                694,84
UTFPR (Guarapuava):                           674,46
Unioeste (Foz do Iguaçu):                    671,63
UFPR (Curitiba – Integral):                    800,21
UFPR (Curitiba – Noturno):                   763,21
CEFET RJ (Angra dos Reis):                640,24
CEFET RJ (Itaguaí) :                              662,91
CEFET RJ (Nova Iguaçu):                     662,88
CEFET RJ (Rio de Janeiro):                  735,18
UFF (Volta Redonda):                            709,24
UFF (Niterói):                                          739,37
UFRJ (Rio de Janeiro):                          781,01
UFSM (Cachoeira do Sul):                    631,66
UFSM (Santa Maria – Camobi):            715,74
UFRGS (Porto Alegre):                         729,49
FURG (Rio Grande):                               581,82
Unipampa (Alegrete):                           552,20
IF Sul (Sapucaia do Sul):                      658,33
IF Sul (Passo Fundo):                           590,63
UDESC (Joinville):                                 721,74
IFSC (Xanxerê):                                     597,80
IFSC (Lages):                                         604,82
IF Catarinense (Luzerna):                    564,76
UFSC (Florianópolis):                          756,19
UFS (São Cristóvão):                            719,85
UFSCar (São Carlos):                           768,47
USP (São Paulo):                                  789,65
IFSP (São Paulo):                                 733,89
IFSP (Araraquara):                               669,30
IFSP (Sertãozinho):                              665,92
IFSP (Itapetininga):                              645,82
IFSP (Piracicaba):                                 682,48
IFSP (São José dos Campos):            677,62