Bolsa Família 2021: Veja o calendário das próximas parcelas do benefício

O Governo Federal liberou mais três pagamentos referentes ao auxílio emergencial 2021. O pagamento da quinta parcela do Bolsa Família 2021 será iniciado no dia 18 de agosto.

Os beneficiários do Auxílio Emergencial 2021, fora do Bolsa Família, poderão sacar os recursos a partir de 2 de agosto, conforme o calendário da quarta parcela.

Com a referida liberação, a Caixa Econômica Federal divulgou o calendário de todas as parcelas do auxílio para os beneficiários, que fazem parte do Bolsa Família.

De acordo com o Ministro da Economia, Paulo Guedes, a ideia é que o pagamento se estenda até que toda a população brasileira esteja vacinada. A estimativa é que todos os cidadãos acima de 18 anos tenham recebido, pelo menos, a 1ª dose da vacina contra a Covid-19 até o mês de outubro.

A referida data é baseada nos calendários estaduais, e Guedes não descartou a possibilidade de haver novas prorrogações. Para ele, a quantidade de parcelas dependerá do andamento da doença no país e do Plano Nacional de Imunização. Após o fim do auxílio, o governo pretende começar a pagar o Novo Bolsa Família.

Bolsa Família pagamento quinta parcela

Abaixo o calendário de pagamento do Bolsa Família e as datas últimas parcelas da prorrogação do Auxílio Emergencial.

De acordo com as regras, os beneficiários do Bolsa Família que recebem o auxílio seguem o calendário do programa. Dessa maneira, os pagamentos ocorrem de forma escalonada, conforme o final do Número de Identificação Social (NIS):

Bolsa Família no Caixa TEM

Ainda conforme as regras, os beneficiários do Bolsa Família recebem o valor do pagamento na conta Poupança Social Digital e podem sacar no mesmo dia. Porém, também podem optar por movimentar o dinheiro de forma digital.

Com isso, é permitido fazer compras e pagamentos online ou presencial, usando o cartão de débito virtual. Tais funções estão disponíveis no aplicativo Caixa TEM. Nessa plataforma também é possível consultar o saldo do benefício e fazer transferência bancária.

De acordo com as regras, as transferências podem ser feitas para qualquer instituição financeira, sem nenhum custo, com uma limitação por operação de R$ 600, diária de R$ 1.200,00 e mensal de R$ 5 mil. Os clientes podem ainda fazer dois saques, imprimir dois extratos e fazer três transferências por mês.

FIES 2021.2: inscrições finalizam nesta sexta (30)

O Ministério da Educação (MEC) abriu na última terça-feira, dia 27 de julho de 2021, as inscrições para a 2ª edição de 2021 do Fies, que é o Fundo de Financiamento Estudantil. Portanto, os interessados em participar do Fies a partir do segundo semestre do ano podem fazer a sua inscrição até esta sexta-feira, dia 30 de julho de 2021. Este é o prazo final para realizar a inscrição no programa neste segundo semestre.

Lembrando que o Fies é um programa do MEC que oferece financiamentos nas instituições de ensino superior particular. Nesse sentido, o estudante do Fies começa as suas aulas na faculdade, e durante o curso, deve pagar somente o valor que não foi financiado pelo Governo Federal. E logo depois de completar um mês de formado, o recém graduado já pode começar a quitar a sua dívida nas condições que foram previamente estabelecidas no contrato.

Fies

Fies (www,mec.gov.br)

Números do Fies 2021/2

Logo abaixo, você pode conferir quais são os números do Fies 2021/2. Ao contrário do que pensa uma boa parte dos estudantes, o Fies que é aplicado no 2º semestre também conta com um bom número de vagas ofertadas nas instituições de ensino da rede privada, como pode ser constatado logo a seguir.

  • Total de 69 mil financiamentos oferecidos
  • Total de 23.320 cursos de graduação disponíveis
  • Número de 1.324 instituições particulares de ensino superior

No momento da inscrição no Fies, o candidato ao curso superior pode escolher até 3 (três) opções de cursos de graduação, turnos e instituições de ensino. A maior parte das vagas que são oferecidas pelo Fies estão concentradas no estado de São Paulo, que é o estado mais populoso do país. Principalmente pela densidade populacional, o maior número de vagas ofertadas no estado paulista se justifica por si só.

Somente no estado de São Paulo, há um total de 9.684 financiamentos. Logo em seguida, está o estado de Minas Gerais, com um total de 7.793 financiamentos, e o estado da Bahia, na região nordeste do país, com um total de 6.087 financiamentos.

Mas afinal, quem pode se inscrever no Fies 2021/2?

Para fazer a inscrição no Fies 2021/2, é preciso que o estudante tenha feito alguma das edições do Enem entre os anos de 2010 e 2020. E além disso, o estudante precisa ter tirado uma nota na prova do Enem que é igual ou superior a 450 pontos de média. E também é importante destacar que para se inscrever no Fies, o estudante não pode ter tirado nota zero na Prova de Redação.

Um outro requisito importante para se inscrever no Fies é ter uma renda per capita de até 3 (três) salários mínimos, o que atualmente é correspondente ao valor de R$ 3,3 mil reais no máximo.

Cronograma do Fies 2021/2

De acordo com as informações que estão presentes no edital do Fies 2021/2, a lista de candidatos pré-selecionados vai ser divulgada no dia 3 de agosto. Nesse sentido, os candidatos que foram incluídos nesta lista de pré-seleção vão precisar complementar as suas informações entre os dias 4 e 6 de agosto.

Logo em seguida, os estudantes que forem pré-selecionados pelo Fies devem comparecer, no prazo de até 5 (cinco) dias úteis, à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento, CPSA, da instituição de ensino em que ele manifestou o interesse em ocupar a vaga.

Por outro lado, os estudantes que não forem selecionados pelo Fies 2021/2 na chamada regular vão estar, de forma automática, inscritos na lista de espera. E a convocação dos estudantes aprovados no Fies 2021/2 vai ser feita de 4 a 31 de agosto. Ou seja, há praticamente um mês completo de prazo para que as instituições de ensino superior façam a convocação dos estudantes que foram aprovados no Fies 2021/2. Além disso, esses estudantes também vão precisar comparecer na CPSA.

Para obter maiores informações sobre como funciona o Fies 2021/2, assim como ter conhecimento do seu cronograma e das suas regras de procedimento para depois do momento das inscrições, os estudantes candidatos podem acessar o edital do programa para o segundo semestre, bem como entrar no site oficial do projeto. Afinal, especialmente quando se trata do planejamento da vida universitária, ter o maior número possível de informações é fundamental.